Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Desabafos á Fernando Pessoa

Neste blog tratarei de falar-vos de poesia, nomeadamente de boa poesia. Espero que gostem...

Desabafos á Fernando Pessoa

Neste blog tratarei de falar-vos de poesia, nomeadamente de boa poesia. Espero que gostem...

Viajar através dos sentidos

por S.C.Jesus, em 17.07.15

Onde quer que estejas oiço a tua voz dentro da minha alma. Vivo cada momento pensando, a sentir que vives dentro de mim. Uma parte de mim é Pessoa. A tua poesia e voz acompanham minhas palavras, a vida que é minha! Sou um ser com milhares de caras, como tu foste um dia. Torno-me num fantasma, e não no "eu" que foi.

Viajo através da imaginação, do sonho que comanda a vida. Que por vezes sinto, tratar-se o sonho á realidade e a realidade o sonho. Oh Amigo Pessoa! Desejava que não tratasses mais de uma sombra de um passado existente. Existisses de novo, para que pudesse falar da minha agonia. Contar os meus mais secretos sonhos e minhas reflexões sobre a vida. Os teus milhares de “eus” saberiam quem sou, não viveria no conflito “ ser ou não ser”.

É esta minha agonizante agonia, do ser que não posso conhecer. Sou um ser “fingido” tal como disseste, um dia. Nada em mim é real, mas sim ilusão. Este corpo é apenas um “ fantoche” de mim.

És a minha principal fonte de inspiração. Me espanta ao descobrir semelhanças tuas em mim, vivo na descoberta de um dia encontrar meu ser e viajo sentindo todo excessivamente.  

Ah! A vida é tão curta e tão pouco roubamos ao tempo. As perguntas sempre as terei, um dia me saberás responder. Tua voz, teu ser!  Vivo sem nada dizer.

Da tua eterna desconhecida,

Sara Jesus

Mais sobre mim

foto do autor

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D

Favoritos