Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Desabafos á Fernando Pessoa

Neste blog tratarei de falar-vos de poesia, nomeadamente de boa poesia. Espero que gostem...

Desabafos á Fernando Pessoa

Neste blog tratarei de falar-vos de poesia, nomeadamente de boa poesia. Espero que gostem...

O grito de revolta de Paltiel

por S.C.Jesus, em 16.05.17

     Todo o que se refere a segunda guerra mundial me dá arrepios. Como pode um homem ser tão cruel? Como foi capaz de desimar uma raça inteira? Por se achar superior Hitler achou por bem castigar os seus inimigos. Considerava a raça ariana a melhor. E todas as outras mereciam ser punidas. 

Esta obra é apenas uma de muitas histórias que não foram contadas. Quantos poetas judeus não houveram! Temendo serem punidos, esqueceram seus versos e morreram na miséria. A história de Palitel é bela mas não é única. Outros judeus precisam de sair do anonimato.

       " O testamento de um poeta judeu assassinado" é um relato intimista de um poeta judeu que fuge do seu país (a Roménia) e se refugia na Rússia. Lá se integra no comunisma e passa acreditar nas suas ideologias. Esquece seu Deus, mas nunca desiste da busca do Messias. Que acaba por encontrar no professor David e na sua poesia. 

A maioria dos seus poemas são escritos na prisão. Tratam da miséria, de Deus e das injustiças. São um grito de revolta ao desespero e ao esquecimento. Grisha também tem um papel importante na história deste poeta, através dele o seu pai não será esquecido. Pois é lhe revelado por um amigo o testamento de Paltiel. 

        Elie Wiesel escreve este grande clássico contemporaneo para que todos nós pussamos conhecer a história deste homem. Que ele nunca mais seja esquecido. Ficara para sempre na minha memória. E quando morrer meus filhos conhecerão igualmente sua história. 

Mais sobre mim

foto do autor

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D

Favoritos